sexta-feira, 2 de março de 2012

Doença rara no fígado faz adolescente depender de 250g de farinha de milho/dia



Adolescente que sofre de uma rara doença do fígado deve comer o equivalente ao dobro de seu peso de farinha de milho por ano, caso contrário ela pode entrar em coma. Chrissie Augrandjean, tem 12 anos e é de Calcton, Essex, no Reino Unido e seu corpo é incapaz de liberar glicose, que fornece energia a partir do fígado. Segundo informações do Daily Mail, não existem medicamentos capazes de combater a rara doença, de modo que Chrissie precisa ingerir ao menos 250 g de farinha de milho por dia (o que dá 91 kg por ano, ou seja, quase o dobro do peso da menina). Os médicos diagnosticaram seu problema quando tinha apenas três anos de idade. Ela foi levada ao hospital, nessa época, sentindo dores terríveis. Ao examinar a menina, os especialistas descobriram que seu fígado tinha aumentado em cerca de seis centímetros, então, sugeriram que ela pudesse estar sofrendo da doença, que chama-se armazenamento de glicogênio. No Hospital Saint Thomas, em Londres, o diagnóstico foi confirmado. Esta doença atinge cerca de uma em cada três milhões de pessoas no mundo. Por três anos Chrissie foi alimentada apenas através de um tubo gástrico nasal, de modo que seu corpo se tornasse forte o suficiente para receber a farinha de milho. O irmão mais velho da garota, Frank, de 17 anos, não tem a doença e ajuda a irmã no tratamento, servindo a “vitamina” para ela às 8h, 15h e 20h, além da dose da madrugada, às 2h da manhã. É possível que a menina precise passar o resto de sua vida à base de farinha de milho, mas sua família acredita que uma terapia, ou quem sabe uma cura, seja descoberta pelos especialistas. “É simplesmente incrível como Chrissie encara seu dia a dia, mas dessa forma ela pode ter uma vida muito normal”, se conforta a mãe, Jacqui. 



FONTE: Vírgula

Nenhum comentário:

Postar um comentário