quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Mensalão: e no será que vai dar?


A quantas anda o mensalão?

O revisor do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, afirmou nesta terça-feira (27) crer que o julgamento da ação penal seja concluído na semana que vem, na quarta (5) ou quinta-feira (6). Ele destacou que serão definidas nesta quarta (28) as penas aos três últimos réus e, depois, nas próximas sessões, o plenário passará a discutir as questões pendentes, como a perda dos mandatos para os deputados federais condenados, ajuste das penas e multas, a possibilidade de redução da pena no caso de confissão e o pedido de prisão imediata feito pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel. O julgamento começou em 2 de agosto e já dura quase 4 meses. Durante o período, o Supremo entendeu que houve um esquema de compra de apoio político durante os primeiros anos do governo Lula. Dos 37 réus, 25 foram condenados. Para concluir a análise das penas, o Supremo precisa concluir o tamanho das penas do deputado João Paulo Cunha, do ex-secretário do PTB Emerson Palmieri e do delator do esquema, Roberto Jefferson (PTB). Se considerar que houve continuidade delitiva em crimes contra a administração pública, como peculato e corrupção passiva,o Supremo não somará penas para os crimes, mas sim aumentar a pena mais alta.


PENAS FIXADAS PELO STF PARA RÉUS CONDENADOS NO PROCESSO DO MENSALÃO *
Marcos Valério - "operador" do mensalão. Pena de prisão: 40 anos, 2 meses e 10 dias; Multa R$2,72 milhões
Ramon Hollerbach - Ex-sócio de Valério. Pena de prisão: 29 anos, 7 meses e 20 dias; Multa R$2,533 milhões
Cristiano Paz - Ex-sócio de Valério.  Pena de prisão: 25 anos, 11 meses e 20 dias; Multa R$2,533 milhões
Simone Vasconcelos - Ex-funcionária de Valério. Pena de prisão: 12 anos, 7 meses e 20 dias; Multa R$374,4 mil
Rogério Tolentino - Ex-advogado de Marcos Valério. Pena de prisão: 8 anos e 11 meses; Multa R$312 mil
José Dirceu -  Ex-ministro da Casa Civil. Pena de prisão: 10 anos e 10 meses; Multa R$676 mil
José Genoíno - Ex-presidente do PT. Pena de prisão: 6 anos e 11 meses; Multa R$468 mil
Delúbio Soares - Ex-tesoureiro do PT. Pena de prisão: 8 anos e 11 meses; Multa R$325 mil
Kátia Rabelo - Ex-presidente do Banco Rural. Pena de prisão: 16 anos e 8 meses; Multa R$1,5 milhão
José Roberto - Ex-vice presidente do Banco Rural. Pena de prisão: 16 anos e 8 meses; Multa R$ 1 milhão
Vinicius Samarane - Ex-vice-presidente do Banco Rural. Pena de prisão: 8 anos e 9 meses; Multa R$598 mil
Breno Fischberg - Sócio da corretora Bônus Banval - Pena de prisão: 5 anos e 10 meses; Multa R$572 mil
Enivaldo Quadrado - Sócio da corretora Bônus Banval. Pena de prisão: 9 anos e 20 dias; Multa R$676 mil
João Claúdio - Ex-assessor parlamentar do PP. Pena de prisão: 7 anos e 3 meses; Multa R$520 mil
Jacinto Lamas - Ex-tesoureiro do extinto PL (atual PR). Pena de prisão: 5 anos; Multa R$260 mil
Henrique Pizzolato - Ex-diretor do Banco do Brasil. Pena de prisão: 12 anos e 7 meses; Multa R$1,316 milhão
José Borba - Ex-deputado federal do PMDB. Pena de prisão: 2 anos e 6 meses; Multa R$360mil
Bispo Rodrigues - Ex-deputado federal do extinto PL. Pena de prisão: 6 anos e 3 meses; Multa R$696 mil
Romeu QueirozEx-deputado federal do PTB. Pena de prisão: 6 anos e 6 meses; Multa R$828 mil
Valdemar Costa Neto - Deputado federal do PR. Pena de prisão: 7 anos e 10 meses; Multa R$1,08 milhão
Pedro HenryDeputado federal do PP. Pena de prisão: 7 anos e 2 meses; Multa R$932 mil
Pedro Correa - Ex-deputado pelo PP. Pena de prisão: 9 anos e 5 meses; Multa R$1,132 milhão
As penas e multas ainda podem sofrer ajustes, para mais ou para menos, até o final do julgamento
Veja abaixo a relação de todos os condenados e absolvidos e as acusações a cada um:
RÉUS CONDENADOS
  • Bispo Rodrigues (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Breno Fishberg (lavagem de dinheiro)
  • Cristiano Paz (corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha)
  • Delúbio Soares (corrupção ativa e formação de quadrilha)
  • Emerson Palmieri (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Enivaldo Quadrado (formação de quadrilha e lavagem de dinheiro)
  • Henrique Pizzolatto (corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro)
  • Jacinto Lamas (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • João Cláudio Genu (formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • João Paulo Cunha (corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro)
  • José Borba (corrupção passiva)
  • José Dirceu (corrupção ativa e formação de quadrilha)
  • José Genoino (corrupção ativa e formação de quadrilha)
  • José Roberto Salgado (gestão fraudulenta, lavagem de dinheiro, evasão de divisas, formação de quadrilha)
  • Kátia Rabello (gestão fraudulenta, lavagem de dinheiro, evasão de divisas, formação de quadrilha)
  • Marcos Valério (Corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e formação de quadrilha)
  • Pedro Corrêa (formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Pedro Henry (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Ramon Hollerbach (corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro, evasão de divisas e formação de quadrilha)
  • Roberto Jefferson (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Rogério Tolentino (lavagem de dinheiro, corrupção ativa, formação de quadrilha)
  • Romeu Queiroz (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Simone Vasconcelos (lavagem de dinheiro, corrupção ativa, evasão de divisas, formação de quadrilha)
  • Valdemar Costa Neto (lavagem de dinheiro e corrupção passiva)
  • Vinícius Samarane (gestão fraudulenta e lavagem de dinheiro)

Leia também: Mensalão: 10 conclusões do julgamento (INFOGRÁFICO/Segundo o STF)


FONTE: G1 (continue a leitura no site)

Nenhum comentário:

Postar um comentário